Kléber nasceu na capital de São Paulo e foi criado aqui no nosso bairro de Itaquera.

Como a maioria dos meninos de sua idade, costumava jogar futebol em peladas na rua e na escola nos tempos de infância, porém se destacou e passou a integrar o time de futsal infantil da Sociedade Esportiva Elite Itaquerense (clube do bairro).

Depois começou nas categorias de base do Corinthians, participando da conquista de uma Copa São Paulo de Juniores, título máximo na categoria em termos nacionais, que lhe garantiu a oportunidade de se apresentar algumas vezes da equipe principal, comandada na época por Vanderlei Luxemburgo, dando início à sua carreira profissional.

No Sport Club Corinthians Paulista traçou um percurso vitorioso, participando de diversos títulos, dentre eles, dois Campeonatos Brasileiros (1998 e 1999), um Mundial de Clubes da FIFA (2000), uma Copa do Brasil (2002) e três Campeonatos Paulistas (1999, 2001 e 2003).

Em 2003, transferiu-se para o futebol europeu, passando a atuar pelo Hannover 96, da Alemanha, e posteriormente pelo FC Basel, da Suíça, clube campeão suíço em 2004.
Em 2005, regressou ao Brasil em uma transferência para o Santos.

Na baixada santista conquistou os Campeonatos Paulista de 2006 e 2007 e o Brasileirão de 2007 – o que lhe rendeu indicações e conquistas de vários prêmios: indicado ao prêmio de melhor lateral esquerdo do Brasileiro de 2006, ganhador da Bola de Prata da revista Placar por dois anos consecutivos (2006 e 2007) e eleito o melhor lateral esquerdo do Brasileiro de 2007.

Em janeiro de 2009 ele foi para o Internacional onde conquistou, no mesmo ano, o Campeonato Gaúcho de Futebol e a Copa Suruga Bank, em 2010 a Copa Libertadores e a Recopa Sul-Americana em 2011 – marcando o gol do título.